A inteligência emocional é a característica mais valorizada pelos recrutadores, mas não é a única. Confira o que eles mais procuram

São Paulo – O que é mais importante na hora de escolher um candidato? Pesquisa elaborada pela equipe da plataforma de recrutamento d’hire com 300 profissionais de RH brasileiros mostra que 54,4% dão a mesma importância para as características técnicas e de comportamento na hora de escolher um candidato.

Mas 41,2% deles consideram o comportamento até mais importante do que a técnica. Esta última só vale mais na visão de 4,4% dos recrutadores.

O aspecto comportamental mais valorizado é a inteligência emocional, competência que há um bom tempo é classificada por especialistas como decisiva para o sucesso profissional. Confira as habilidades mais lembradas pelos recrutadores de grandes empresas, que podiam citar mais de uma:

Características% de recrutadores que citaram como mais importantes
Inteligência emocional75,70%
Gerenciamento de pessoas65,20%
Resolução de problemas complexos58,80%
Orientação para cliente47%
Negociação/Tomada de decisão42,90%

O estudo mostra, no entanto, que, apesar de a atitude de um profissional ser tão importante na avaliação de um recrutador para saber se ele é a pessoa certa para a vaga, a grande maioria (73,3%) não tem ferramenta para medir de forma precisa questões como a aderência cultural entre empresa e potencial contratado.  

O chamado fit cultural, no jargão de RH, é, segundo outra pesquisa recente, feita pela consultoria LHH, a questão mais desafiadora do processo de recrutamento.

Fonte: http://exame.abril.com.br/carreira/300-recrutadores-disseram-que-habilidades-sao-mais-importantes/