Um assunto abordado com frequência atualmente é a importância de valorizar os funcionários para o crescimento organizacional. Apesar de ainda encontrar algumas resistências, o coaching na empresa é uma ferramenta poderosa para estimular esse avanço, trazendo diversos resultados, não só nos relacionamentos, mas também nos lucros e alcance de metas.

O coaching pode melhorar a gestão de pessoas, ajudar no desenvolvimento da equipe e individual e promover grandes mudanças internas. Para entender melhor como funciona, acompanhe este post.

O que é coaching?

É um processo que visa melhorar o desempenho, seja de uma pessoa ou da empresa, com o aumento de resultados positivos, conseguidos com a aplicação de conhecimentos e técnicas passados pelo coach.

Esse profissional atua como um “treinador”, identificando os pontos fortes e os que precisam ser melhorados e realizando feedbacks que levem ao crescimento do avaliado. O coach busca, acima de tudo, o desenvolvimento de habilidades e alinhamento de metas, orientando sobre possíveis mudanças de comportamento.

Como o coaching pode fazer a diferença?

O coach pode fazer um trabalho com resultados de forte impacto. Ele vai avaliar seus funcionários e procurar estimulá-los a um aperfeiçoamento estruturado e consciente. Também há o uso de técnicas para o desenvolvimento da inteligência emocional, ajudando a liberar todo o potencial do coachee (cliente).

O trabalho do coach incentiva o autoconhecimento do profissional, aumenta a performance, estimula a criatividade e melhora o clima organizacional, impactando até a retenção de talentos. Ele procura focar na solução, encontrando oportunidades para cobrir possíveis lacunas na equipe ou no indivíduo.

O coaching pode ser usado durante a seleção de talentos, em gestões de crise e quando há necessidade de melhoria na comunicação.

É uma ótima ferramenta de apoio para a gestão de pessoas. Após a realização das avaliações de desempenho, as informações sobre o perfil profissional podem ser passadas para o coach, a fim de somar às impressões e dados coletados por ele para um feedback ainda mais preciso.

Também pode ser aplicado de maneira específica, como no desenvolvimento da liderança, na equipe comercial para aumentar as vendas ou com enfoque corporativo, voltado ao progresso da empresa como um todo.

O coaching na empresa ocupa o lugar do RH?

Muitas vezes é questionado se o coaching ocupa o lugar do RH, já que está voltado para o desenvolvimento de pessoas.

A verdade é que não, mas as duas frentes podem trabalhar em conjunto. O departamento de Recursos Humanos faz um trabalho mais geral, acompanhando todos os setores da empresa e ajudando no relacionamento entre organização e empregados.

Uma das principais dificuldades no trabalho de coach é o desconhecimento de como essa abordagem pode ajudar no crescimento da empresa. Muitos CEOs e diretores têm um certo preconceito em relação a esse trabalho, isso quando não vêem com bons olhos o investimento no capital humano da empresa. Há uma falta de informação geral sobre os benefícios que essa abordagem pode trazer, entre eles o aumento de produtividade das equipes e do lucro da organização.

O coaching na empresa, realizado acompanhado de o RH, traz inúmeros resultados positivos.

E você, como acha que o trabalho de coach pode melhorar o seu trabalho? Quais dificuldades você acha que seriam supridas com essa orientação? Deixe sua opinião nos comentários!